Pages

domingo, 20 de março de 2011

Não há mais Deus

Matei Deus
agora perdi minh´alma
mas ainda sinto sua imundície
fui condenado a viver no vazio
de preces caladas
não me resta muita coisa
a não ser a ilusão do amor
e quase um nada de poesia.

Um comentário:

  1. muito bom.
    e a guerra de amar.
    a eterna guerra.
    "e quase nada de vida"

    ResponderExcluir

Diz?